domingo, 31 de outubro de 2010

O sorriso de Piñera

Além de economista, político e empresário, o presidente do Chile, Sebastián Piñera tem se mostrado um ótimo marqueteiro. Desde que equipes de resgate descobriram que os 33 mineiros que ficaram mais de dois meses presos em uma mina no norte do país estavam vivos, o presidente soube tirar proveito da situação. Mesmo após o resgate, o sempre sorridente líder direitista continua colhendo os frutos da fama mundial e possíveis dividendos políticos a níveis internacionais.

O desabamento na mina San José, que deixou os trabalhadores presos, aconteceu por imprudência. O local estava irregular, não obedecia à boa parte das regras de segurança para empresas mineradoras e o Governo nada fez. Mesmo assim, o presidente conseguiu reverter a situação e, ao invés de ser considerado culpado pelo acidente, saiu como o grande herói da situação.

Agora, passadas semanas do show que foi o resgate, Piñera continua distribuindo pedrinhas da mina San José como lembranças da eficiência chilena. Recentemente, em homenagem prestada aos trabalhadores, além de uma medalha, presenteou cada um com uma pequena réplica da cápsula usada no resgate.

Vale lembrar que Sebastián Piñera não é qualquer um e tem conhecimento de como reverter situações. Empresário, é dono do canal de televisão Chilevisión, sócio da empresa aérea Lan e da sociedade chamada Blanco Y Negro, que controla o Colo-Colo, um dos principais times de futebol do país. Ou seja, o sorridente político, além de ser um dos homens mais ricos do Chile, tem estrada nos negócios.

Resta saber se esse fato importante, midiaticamente falando, será lembrado quando o presidente tentar a reeleição, já que ele assumiu o Governo em março deste ano e tem mandato até o longínquo março de 2014.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Professores inesquecíveis

Desculpem aqueles que foram meus “mestres” reais, mas neste dia do professor quero homenagear aqueles que estão mais presentes na minha memória.

Professor Raimundo, Professor Girafales, Professora Helena (Carrossel) e Professora Carolina (Chiquititas)

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Tergiversando o trololó

Acabei de ver pedaços do debate entre Dilma e Serra. Apesar do bom formato adotado pela Band, dando mais tempo para que os candidatos pudessem expor suas ideias, o que vi foi um desperdício total de tempo.

Nos últimos debates, como o da Globo, Serra e Dilma estavam fugindo um do outro. Não queriam o confronto direito. Isso é fato. Os dois estão bem pontuados e um confronto mais duro pode fazer com que o eleitor perceba que eles não são candidatos perfeitos.

Um pergunta, outro não responde. O outro pergunta, o um não responde. Assim foi o debate desse domingo. Todas as questões sérias levantadas por um deles foram ignoradas pelo outro, que falava coisas ainda mais sérias que, logo depois, seriam ignoradas de novo. Ou seja, eles não querem debater.

Desligo a TV sem saber quais são as reais propostas dos dois candidatos para o país. A revista Veja foi “quase feliz” na capa da semana passada, quando estampou uma folha em branco anunciando que se tratavam das propostas dos candidatos. Serra, Dilma e Marina, realmente, não propõem nada! Digo que a Veja foi “quase feliz” porque fez questão de ignorar o Plínio. Apesar dos pesares, ele foi o único que apresentou propostas concretas: 7% do PIB para a educação, 10% para a saúde, limite de propriedade etc. Você pode não concordar, mas o fato é que ele apresentou ideias.

Vai ser duro de engolir mais trocentos “debates” como esse. Mais duro ainda será engolir um deles como nosso presidente...

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Tweets da Eleição

gente chata puteando os institutos de pesquisa. todos acertaram pra presidente. nenhum garantia primeiro turno.

parabéns gremistas. votaram no danrlei e elegeram o sérgio moraes, deputado que se lixa para a opinião pública!

o melhor da eleição: netinho não foi eleito! viva!

2002, Enéas mais votado: morreu; 2006, Clodovil mais votado: morreu tb; 2010, Tiririca mais votado...

a votação da marina prova que o twitter tem força

atenção jornalistas de todo o brasil: o feriadão de 2 de novembro morreu!

pessoal do pt pode guardar as bombas e os confetes. até que é bom, pra dilmão descer do salto.

povo do rs, o que será do @rigotto? um cara que queria ser presidente não se elege nem senador!

muito feliz com a eleição de @anaamelialemos para o Senado!

muito feliz com a eleição do competente @tarsogenro ao governo do meu RS!